Essa comunidade é o reduto das pessoas interessadas nessas duas especialidades da ciência criminal, que até então não tinham como discutir, trocar informações e novidades sobre a criminologia e psicologia forense.

Postagem em destaque

Serial Killers - Parte XI - Mitos Sobre Serial Killers Parte 6

#6: ELES SÃO TODOS BRANCOS Contrariando o mito popular, nem todos os serial killers são brancos. Serial killers existem em todos os gr...

domingo, 4 de agosto de 2013

RECOMENDAÇÕES DA SEMANA!


- PSICOLOGIA E JUSTICA - INFANCIA, ADOLESCENCIA E FAMILIA



Sinopse: Os textos que compõem a presente obra refletem as inquietações e reflexões de profissionais de longa experiência, nos campos jurídico e psicológico, sobre o reconhecimento mais recente das práticas profissionais presentes nas áreas do direito, da psicologia e das ciências sociais. Os artigos demonstram a necessidade de posicionamento mais ativo pelos profissionais de direito e de psicologia frente a novos conceitos e estratégias de avaliação e atuação, de forma que a intervenção considere o sujeito, alvo de seu estudo e prática, um sujeito jurídico, diante das nefastas consequências dos direitos violados em fases precoces do desenvolvimento humano. Ficam evidenciadas as contribuições essenciais entrelaçadas entre a psicologia e o direito, que possibilitam que o fenômeno jurídico seja compreendido com toda amplitude e complexidade.

Autor: CARVALHO, MARIA CRISTINA NEIVA DE
Edição: 1ª2012
Página: 282



- PSICOLOGIA JURÍDICA - COLECAO DIREITO VIVO



Sinopse: A Coleção Direito Vivo é um convite à reflexão e ao debate. Nos volumes desta coleção, além de texto arejado, o leitor encontrará questões problematizadoras, indicações de leitura para aprofundamento e sugestões de filmes ao final de cada capítulo. O volume Psicologia Jurídica procura relacionar a psicologia com os diversos campos dogmáticos (direito penal, civil, ambiental, por exemplo). Aborda temas atuais da interface entre direito e psicologia, tais como transtornos psíquicos e de personalidade no direito, o testemunho e os testes psicológicos utilizados em juízo.

Edição: 1ª Edição (2013)
Editora: Saraiva
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário